Ideais do Prona – Em favor da família :: Prona 56

O Partido de Reestruturação da Ordem Nacional trabalha em favor da família

O artigo 226 da Constituição Federal, em seu caput, conceitua família como a base da sociedade, conferindo-lhe, por conseguinte, proteção especial do Estado, dignidade e liberdade. Desde os primórdios da sociedade, ela representa a primeira instituição a organizar-se de forma hierárquica, precedendo em muitos séculos a formação do Estado Moderno. O indivíduo, desde os mais remotos tempos, buscava estruturar-se em sociedade a partir da convivência familiar, princípio que perdura até a atualidade.

A família é a instituição basilar na composição de uma sociedade. Dela emanam sólidos princípios que firmam o alicerce de todo o conjunto do desenvolvimento humano. Preservá-la é preservar a identidade e o caráter de uma nação.

No entanto, durante o século XX, especialmente nos anos 1920, com a Escola de Frankfurt, iniciou-se um processo de fragilização dos valores sociais tradicionais e dos preceitos familiares, com o claro objetivo de perverter a noção de família e estabelecer novos preceitos familiares, o que corroborou para a criação do conceito de família moderna. Tenta-se à farta legislar em nosso país com o objetivo espúrio de promover a desestabilização da família tradicional, com as bênçãos e afagos da mídia tradicional.

Trata-se de um programa de ação sistemático idealizado com o claro objetivo de destruir a família, já que esta, da forma como é concebida pela moral judaico-cristã, é considerada por seus adeptos como um empecilho para a promoção da revolução cultural de caráter comunista. É possível identificar esse aspecto ao lermos “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”, obra iniciada por Marx e concluída por Engels. Basta procurarmos as obras e projetos dos ideólogos de gênero, por exemplo, para descobrirmos seus verdadeiros intentos de subverter a ordem natural das coisas, afrontando a ciência e subjugando os povos às suas idéias de identidade de gênero.

Ideais do Prona - Em favor da FamíliaO PRONA, mesmo discordando radicalmente de tais práticas, respeita aqueles que se unem em divergência aos preceitos acima mencionados. Reconhecendo unicamente como família, no entanto, a união civil de um homem e uma mulher, única célula familiar genuína, capaz de gerar filhos e multiplicar-se.

Nossa posição, portanto, é clara em defender a família tradicional e instamos os seus defensores a não permanecerem de braços cruzados. Conclamamos cristãos, conservadores e nacionalistas a se unirem num esforço político comum: combater a evolução e implantação da agenda de gênero e por conseqüência, a desagregação da família na sociedade brasileira.

O que achou? Deixe seu comentário

Sobre Luciano Mota

Luciano Mota
Secretário Nacional de Comunicação do PRONA, é apaixonado por política, jornalismo, mídias sociais corporativas, é um fã nato de toda carreira do saudoso Dr. Enéas Carneiro. Micro empresário com desenvolvimento web, tem oferecido um auxílio importante na caminhada do partido.